sexta-feira, 18 de março de 2011

Pontos fortes e fracos dos candidatos ao Sporting

A pouco mais de uma semana para as eleições do Sporting, deixo aqui uma análise aos pontos fortes e fracos dos candidatos ao Sporting, e mais umas notas.

Abrantes Mendes

Pontos Fortes - um sportinguista saudoso de outros de que todos gostam de ouvir falar, que teve o condão de sempre criticar o projecto Roquette e que tem feito uma campanha digna mas muito apagada.

Pontos Fracos - este não é o tempo dele, sente-se que ainda pode abdicar da corrida em favor de alguém e neste momento é o candidato que se encontra atrás no pelotão de candidatos sem perspectivas de subida.

Bruno Carvalho

Pontos Fortes - tem uma colocação de voz excelente, fala bem e contactou cedo com os núcleos. Conseguiu Inácio que é um bom cartão de visita e teve magnífica prestação no primeiro debate que alavancou a sua campanha.

Pontos Fracos - Cometeu erro crasso de comunicação no início da sua corrida, isto é, sendo o mais novo e mais desconhecido deveria ter construído uma história à sua volta e explicado bem quem era para evitar nebulosas em seu redor; e o fundo, que depois diz ser apenas um acordo e depois diz que se 50 milhões não chegarem haverá mais, continua a levantar dúvidas. Hoje, a sua campanha vai mais a reboque e ficou marcada pela tentativa diária de se credibilizar depois do ataque da continuidade que lhe chamou vale e Azevedo.

E 3 notas pessoais: fiquei satisfeito pela integração do Movimento Sporting Sempre (que ajudei a divulgar) e que tem na lista o meu amigo Rui Morgado, grande sportinguista e que não pretende usar o clube para nada, apenas defendê-lo; entendo que os 3 reforços hoje anunciados: Rodriguez (Braga, bom defesa), mas Mateus (Nacional) e Sougou (Académica) não são jogadores para o Sporting; ontem Daniel Sampaio cometeu o erro de dizer que serão apresentadas «mais provas da credibilidade do fundo». Se fosse credível não precisavam de apresentar provas sr. psiquiatra.

Dias Ferreira

Pontos fortes - nome mediaticamente forte por quem os sportinguistas têm carinho, defende bem o clube. Conhece o Sporting de lés a lés e a máquina do futebol português.

Pontos fracos - daria um excelente provedor dos sócios, mas não um bom Presidente. E o seu maior erro estratégico a apresentação de paulo Futre que agora se tem dado ao trabalho de esconder.

Nota pessoal - saudar o Paulo Rêgo e o Nuno Roby, dois excelentes jornalistas que o acompanham e tipos de boa aura positiva que gosto sempre de reencontrar e falar.

Godinho Lopes

Pontos fortes - tem a máquina do poder estabelecido com ele, tem a banca do seu lado e mais uma série de figuras, nomeadamente Manuel Fernandes, significativas para o universo leonino.

Pontos fracos - foi o pai do fosso e a imagem da continuidade dele já não sai. É um candidato em perda e neste momento em dificuldades. Construiu uma lista que é uma salada russa de egos e picaretas falantes. Tem não sei quantos ex-jogadores que integrará no clube só ainda não percebi aonde e quanto lhes vai pagar. E tem sido um candidato das campanhas negras e um produto/candidato que apenas debita o que a sua agência manda tornando-o pouco natural.

Nota pessoal - A Cunha Vaz tem feito bom trabalho apesar deste ser o candidato mais odiado no universo Sporting. Um abraço ao meu amigo Miguel Morgado que tem sido a sombra de Godinho Lopes.

Pedro Baltazar

Pontos fortes - A melhor equipa, as melhores ideias, a melhor mensagem - o slogan mudança credível contra a continuidade - e o único candidato dos 5 que verdadeiramente meteu dinheiro do seu bolso no clube. A aposta em Zico é a primeira desde o início da corrida. Mostrou um bom organigrama para o futebol onde o Presidente manda à imagem de João Rocha e onde o manager será José Couceiro e o responsável do scouting e formação será uma bomba. por último, o seu relacionamento com os grandes do futebol: amigo da família Moratti (Inter), protocolo com o seu amigo de longa data Sandro Rosell (Barcelona) e hoje de manhã, ainda ninguém sabe, vai estar com Florentino Perez (presidente do Real Madrid). Defende o ecletismo, não extinguirá nenhuma modalidade e a ideia da construção de uma pista de atletismo em Alcochete é boa. E a eliminação do fosso com a construção da bancada Vitor Damas foi de mestre.

pontos fracos - Não é um bom orador e o primeiro debate correu-lhe mal. Isso e o ter sido o último candidato a apresentar-se condicionou-o mas está a crescer.

Nota pessoal - Não posso falar muito sobre a candidatura de pedro Baltazar...

Por último duas notas: não confiem nas sondagens que vão sair pois serão condicionadas pela candidatura da continuidade e hoje há mais indecisos que há um mês atrás; e quem ganhar até à mesa 7 vai ser o próximo presidente do Sporting e os mais fortes entre os sócios mais antigos e que têm mais votos são godinho Lopes e pedro Baltazar.

Sem comentários:

Enviar um comentário