segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Duarte Galhardas na Auditoria do Sporting e ao mesmo tempo na MDC-Multi Development

Há certas coisas no Sporting que têm de acabar. Há coisas que cheiram a esturro e que me fazem lembrar a história da mulher de César.

A tão falada Auditoria será apresentada amanhã no Conselho Leonino e espero que os sócios e adeptos possam ter conhecimento dela, para que, sem caças às bruxas, sejam responsabilizadas as pessoas que lesaram e prejudicaram o Sporting em diversos negócios.

Como sabem, quatro candidatos, Bruno Carvalho optou por não designar ninguém, indicaram cada um deles um representante para acompanhar os trabalhos da Auditoria que começa no mandato de José Roquette.

Godinho Lopes resolveu designar como seu homem de confiança Duarte Galhardas, membro dos corpos sociais do nosso clube, para esta comissão. Até aqui, parecia, nada de mal.

O problema é que a empresa que maiores movimentos e maior peso empresarial teve junto do Sporting foi a MDC - Multi Development Portugal, do senhor Bernardus Van Veggel, ao comprar os terrenos de Alvalade e por isso figurará por certo na mesma Auditoria onde esses negócios têm de ser escrutinados à lupa.

Ao ler o relatório comercial da MDC, de 12 páginas, que tenho em minha posse, que data de 7/12/2011, vejo estranhamente, na página 8, que o Fiscal Único da MDC- Multi Development é o dr. Duarte Nuno Passos Galhardas.

Pergunto: este cavalheiro na comissão de Auditoria ao Sporting, afinal, defendia o nosso clube ou a MDC? E lembrem-se da mulher de César, antes de tomarem certas decisões e se escolherem pessoas se faz favor.

1 comentário:

  1. Rui Mendes30/1/12 17:20

    Uma auditoria pressupoe que estes auditores sejam imparciais em todos os aspectos. Qualquer relacao directa ou indirectamente poe em causa corrente auditoria, o que pode desviar a deteccao de corrupcao.

    PS: desculpem-me por este comntario nao ter acentos, porque este teclado nao e Portugues

    ResponderEliminar