quinta-feira, 21 de março de 2013

Sai muito mal Godinho Lopes

Teremos um novo presidente dentro de dias, mas a saída de cena de Godinho Lopes é triste. Não cumpriu o mandato depois de atolar o Sporting no maior desastre desportivo e financeiro de sempre.

Foram muitos erros, muitos atropelos próprios a pessoas que contratou - Domingos, Sá Pinto, Vercauteren -, foram estratégias que se foram modificando sem um rumo claro, foram modelos sem qualquer perspectiva, foi uma liderança que nunca existiu.

Godinho Lopes sai pela porta pequena de Alvalade. Por culpa própria. E nestes dias ainda vende o Ricky para pagar salários. Foi uma delapidação total da Marca Sporting Clube de Portugal. Notícias sucessivas a falar de salários em atraso, pagamentos às pinguinhas a funcionários e quase um leilão total do plantel como se estivéssemos na loja dos 300. Isto, meus amigos chama-se danificar a nossa reputação e a nossa grande alma centenária de grande clube respeitado em todo o mundo.

Godinho Lopes se saísse do clube deixando-o melhor do que estava quando pegou nele até poderia no futuro ficar na memória dos sportinguistas. O problema é que o deixou ainda pior em termos desportivos e financeiros e no abismo. Dos fracos não reza a história.

Sem comentários:

Enviar um comentário