quinta-feira, 26 de março de 2015

A lista VIP do fisco

«A lista de contribuintes considerados VIP, cuja consulta de dados fiscais faria disparar automaticamente uma notificação para os serviços de auditoria, só tinha quatro nomes: o Presidente da República, o primeiro-ministro, o vice-primeiro-ministro e o secretário de Estado dos Assuntos Fiscais. É esta a convicção do presidente do Sindicato dos Trabalhadores dos Impostos (STI), Paulo Ralha», retiro esta notícia do DN.

É lamentável a lista VIP e é ainda mais lamentável que o secretário de Estado, Paulo Núncio, nela esteja incluído. A protecção contra o voyeurismo até podia ter boas intenções, agora quando se percebe que o envolvido pode ser o próprio Núncio e mais uns eleitos é inacreditável para a maior parte dos portugueses que tem sido vítima duma rapina total da máquina dos impostos.

Todos os dias esta dita lista VIP debilita o Governo e o responsável político tem um rosto. Há que tomar medidas duras.

Sem comentários:

Publicar um comentário