quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Um partido que é uma Rede

A Rede Sustentabilidade foi criada pelo ex-fenómeno de campanha presidencil brasileira, Marina Silva. Quer, diz ela, afastar-se das «idiossincrasias partidárias e apoiar causas da sustentabilidade.

Um partido que não tem partido como nome é bem jogado, face à repulsa universal crescente que as pessoas têm dos partidos. Diz o Público que o partido não será de esquerda nem de direita. «Queremos seguir em frente», disse Marina.

E ainda acrescenta que não é de «oposição nem situação. Eu assumo posição». Jargões engraçados, mas o que é verdade mesmo é que é mais um partido com um objectivo claro: lançar Marina como presidente e ter poder.

Sem comentários:

Publicar um comentário