quinta-feira, 6 de junho de 2013

«Portugal está em perigo de vida»

Quem o diz é Freitas do Amaral. «Estamos numa das situações mais graves que Portugal viveu ao longo dos seus 900 anos de história. Só comparo esta situação em gravidade, em perigo para existência de um país chamado Portugal, à crise de 1383/85, que felizmente acabamos por ganhar com a batalha de Aljubarrota, e aos 60 anos [1580-1640] de ocupação castelhana através dos Filipes».

Os portugueses estão descrentes e sem esperança, perderam a confiança na classe política e apenas sobrevivem. Como tenho escrito.

Sem comentários:

Publicar um comentário