quinta-feira, 21 de novembro de 2013

A crise reputacional da Pepsi

Já vários colegas do meu sector se solidarizaram com os profissionais que em Portugal estão a gerir esta crise da Pepsi e a sua reputação, também o faço pois será muito difícil dar a volta.

O seu único aliado será o tempo, o esquecimento. Pois a voracidade do tempo mediático actual, a rapidez com que circulam notícias e desaparecem no horizonte é muito maior que em tempos idos.

Todo o mal do mundo nestes dias é da Pepsi. Como brinquei ontem «Rui Machete, Margarida Rebelo Pinto e João César das Neves bebem Pepsi». mas também o Governo, Mário Soares e outras figuras bebem Pepsi e até o Zé Castelo Branco caiu quando era pequeno num caldeirão de Pepsi.

Mas, efectivamente, só assim é porque a Pepsi fez uma campanha ridícula pela qual pediu desculpas. É a tal coisa: não se pedem desculpas, evitam-se.

Sem comentários:

Publicar um comentário