segunda-feira, 3 de novembro de 2014

A beleza das rugas

A sociedade moderna perde demasiado tempo com a imagem. A sua volatilidade parece que combina com os dias de hoje onde se é uma celebridade por 15 minutos e onde o longo prazo é uma semana.

Ainda na semana passada, Renee Zellwegger foi tema de debate por se ter submetido aos ditames do bisturi e até perdeu o papel de Bridget Jones por causa disso. Mas no meio da espuma dos dias, há sinais de que a classe, o charme, a intemporalidade da beleza e o carisma se impõem.

Helen Mirren aos 69 anos tornou-se embaixadora da L'Oréal. Ela que nunca foi uma beleza de outro mundo, mas nunca deixou de ser interessante. Uma ruga é uma experiência de vida, é uma marca na história. E as pessoas identificam-se com quem tem uma história para contar. As belezas perfeitas demais até podem no momento chamar a atenção, mas amanhã já nem nos lembramos delas.

Sem comentários:

Publicar um comentário