sexta-feira, 21 de novembro de 2014

A reposição das subvenções vitalícias dos políticos

Sobre esta medida cozinhada pelos partidos no Parlamento, tenho a dizer o seguinte:

1- A maior estupidez politica do ano.

2- Medida de quem não conhece o país real e acha que as pessoas, esmifradas pessoalmente e empresarialmente até ao último cêntimo, são estúpidas.

3- A classe política não é nenhuma aristocracia e não tem de ter privilégios especiais.

4- A classe política precisa de quem trabalhe mais, tenha conhecimento da economia e não de lobistas disfarçados e de apparatchiks do sistema.

5- Quando repuserem reformas e pensões de quem trabalhou toda uma vida e quando roubarem menos as empresas, então depois se pense na classe política.

6- São os próprios políticos, com este tipo de medidas, que geram revoltas nas pessoas e semeiam a descredibilização da sua actividade.

7- A política é para as pessoas e não para os políticos. E esquecem-se todos os dias disto.

Sem comentários:

Publicar um comentário