quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Oráculo (321)

«É impossível imaginar um homem privado de liberdade, a não ser que se imagine privado de vida»

Tolstoi, "Guerra e Paz" (na actual edição, IV Volume)

Sem comentários:

Publicar um comentário