sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Sarah Palin com imagem arrasada

Numa campanha eleitoral, o candidato preferencialmente deve ter a sua imagem o mais limpa possível. Escândalos, drogas, traições são as piores coisas possíveis para a construção do seu perfil.

Considero Sarah Palin uma idiota chapada como W. Bush, mas certa direita conservadora, o denominado movimento Tea Party, vê-a com bons olhos para uma corrida à Casa Branca.

Palin ainda não decidiu, efectuou diversos périplos e tem montado a sua vida política com o auxílio da Fox News como se de uma estrela pop se tratasse. Hoje, a vida de Sarah Palin tornou-se um reality show.

Um livro que sairá na próxima semana fala de droga, de traições conjugais e mais camas alheias. Para um arranque é mau, quem mandou fazer o livro para a abater trabalhou bem. E na América as coisas são assim.

Sem comentários:

Publicar um comentário