terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Os 70 anos de Muhammad Ali: um poderoso comunicador

Um dos melhores desportistas de sempre comemora hoje 70 anos. Uma lenda americana de nome Cassius Clay, que após a sua amizade com Malcolm X e se ter convertido ao Islão, passou à história com a marca Muhammad Ali.

Um campeão que bailava naquele quadrado onde o objectivo é o KO. Um ícone marcante, um comunicador poderoso, de língua afiada, na defesa dos direitos civis dos negros.

Esteve no céu e no inferno, ganhou e perdeu, mas qualquer presença sua se tornava um show mediático e muito pretendido pelos jornalistas. Quando se recusou a alistar na guerra do Vietname, socou: «não tenho quaisquer problemas com os vietcongs. Nunca um vietcong me chamou escarumba».

Marcou o seu território, fez e disse o que quis: «sei para onde vou e conheço a verdade. Sou livre para ser o que quiser».

E deixou uma lição de vida: «um homem que vê o mundo aos 50 anos da mesma forma que aos 20, desperdiçou 30 anos de vida». Parabéns campeão. "Peace".

Sem comentários:

Publicar um comentário