terça-feira, 2 de julho de 2013

Um Governo moribundo e sem escolhas

Quando um Governo apenas tem um fio de vida, poucos são os que se querem juntar a ele. Gaspar foi ungido por Pedro Passos Coelho a número 2 do Governo e muitos viam-no como o número 1.

Gaspar foi sempre um problema pois não conhece os portugueses. Respeitado fora de Portugal, por cá era alvo de desprezo e ridicularia.

Maria Luis Albuquerque é a solução de recurso e nem devia ser ministra, pois nem um segundo teve de estado de graça. A questão dos Swap é tóxica e ela não fugirá dela.

Por cada dia que passa a dúvida é saber quando Portas romperá a coligação. Pode ser num dia qualquer e ninguém estranhará. Este é um Governo moribundo, à deriva, sem futuro. É penoso e tenho pena que assim seja.

Sem comentários:

Publicar um comentário