quinta-feira, 29 de agosto de 2013

O fim dos "briefings"

O Correio da Manhã noticia hoje que Pedro Passos Coelho decidiu acabar com os "briefings". Contrariando assim o que haviam dito o ministro, Poiares Maduro, e o secretário de Estado, Pedro Lomba, que referiram que eles não acabariam, mas voltariam com outro formato e outro protagonista.

Acaba assim uma boa ideia que se tornou um pesadelo, pois foi deixada a amadores em questões de comunicação. Era bem intencionada a ideia de se tentar promover a agenda positiva do Governo, mas, como fica provado, não basta escrever umas coisas em blogues para se conhecer o universo mediático.

Sem comentários:

Publicar um comentário