quarta-feira, 9 de julho de 2014

Os homens do futebol e a comunicação

Muitos ex-jogadores de futebol costumam criticar que sejam outros intervenientes a fazer comentário e análise sobre o mesmo. Dizem que são eles os que mais sabem do fenómeno porque o praticaram, os outros são teóricos. Vamos agarrar nesta sua óptica de observação, apesar de eu entender que tal como o marketing é demasiado importante para ser deixados nas mãos dos marqueteiros, o futebol também não deve ser apenas entregue aos "futeboleiros".

Pois bem, ontem no rescaldo do Brasil-Alemanha, na Sport Tv, vi e ouvi dois homens do futebol que respeito, o Carlos Manuel e o Pedro Henriques, e ainda outro homem que não é do futebol mas acha que é poeta dele, Luis freitas Lobo, a comentarem e a analisarem a comunicação de Scolari.

Exacto, não analisavam só o plano de jogo e as tácticas, mas sim a conferência de imprensa do seleccionador brasileiro, a sua comunicação. Posto isto e na sequência do que os homens do futebol dizem sobre os outros no seu campo de actuação, cabe-me a mim agora perguntar: onde é que estes senhores trabalharam em comunicação para analisarem esta ciência que muitos amadores acham fácil e onde todos têm opinião que entendem certa? Onde é que trabalharam antes na área da comunicação para debitarem sobre a mesma? Pois é. A incongruência é como a mentira: é coxa.

Sem comentários:

Publicar um comentário