sexta-feira, 5 de março de 2010

Mulheres

Qualquer publicação acerta sempre quando decide colocar Joana Amaral Dias na sua capa.

Hoje, a Tabu, do Sol, dá-nos esse privilégio e ainda põe uma série de fotos com ela linda de morrer. Mas o que me chamou mais a atenção foi outra coisa.

Quando ela diz «não vejo o que as mulheres possam dar de novo à política», ela semeou mais umas invejosas, e eu concordo com ela.

Eu acho que a política precisa da opinião das mulheres, por vezes muito mais racional que a dos homens,acho ridículo é o sistema de quotas que torna apenas as mulheres uma flor na lapela da democracia portuguesa.

Ainda se dizia esta semana que Portugal tem a maior taxa do mundo de mulheres no Parlamento. E para quê? Vêem-se? Ouvem-se? Caindo nesse mercado, a mulher torna-se uma política com os mesmos tiques dos homens. A política e outras áreas de actividade precisam de gente de qualidade e não de quotas. Se forem mulheres, fantástico.

Sem comentários:

Publicar um comentário