domingo, 7 de abril de 2013

As missas de Marcelo e Sócrates

Para o primeiro duelo entre um professor universitário e um estudioso em Paris, auguro que a RTP vai crescer nas audiências e conseguir abafar os resultados da TVI.

É que as prédicas dominicais de Marcelo já cansavam pelo seu maquiavelismo e interesse pessoal em alguns comentários que fazia, fora várias previsões erradas que foi fazendo ao longo do tempo. Marcelo já cansa e satura.

Sócrates estreia-se hoje, pelo menos tem o factor novidade do seu lado mas ainda tem a sua imagem muito danificada e também comentará segundo os seus interesses. Mas neste caso as pessoas vão querer ouvi-lo. É um duelo interessante.

Sem comentários:

Publicar um comentário