terça-feira, 9 de abril de 2013

Três regras para exclusivos na comunicação

Uma notícia exclusiva, desde que relevante e tenha interesse, é algo de muito importante para os media. Assim sendo, quais são as regras fundamentais quando se negoceia e dá um exclusivo. Deixo estas notas porque os profissionais já o sabem, os amadores não.

1- Escolher o meio que tenha a maior audiência se queremos um trabalho de notoriedade. Ou escolher por nicho ou como factor de reputação a mensagem que queremos veicular.

2- Só se dão exclusivos a quem nos trata bem e onde sabemos que o conteúdo será bem tratado.

3- Outra opção é dar o exclusivo a um meio onde estejamos a recuperar a nossa relação de simpatia e confiança.

Se damos um exclusivo a um meio que três dias depois nos dizima é de amador.

Sem comentários:

Publicar um comentário