sábado, 6 de novembro de 2010

A China acredita em nós

Não é por o meu consultor e amigo Alexandre Guerra andar por Xangai que os chineses nos andam a namorar.

É a segunda notícia de investimento chinês em Portugal na última semana. Primeiro estão-nos a comprar a nossa dívida e agora querem comprar 10% do BCP. Ver a notícia por aqui.
Mas deixo uma nota sobre a diplomacia económica chinesa. O País, em franco crescimento, é dos maiores consumidores de matérias-primas do mundo e precisa de diversos "celeiros".

Hu Jintao atacou a América Latina e depois África, onde é o principal investidor em diversos países. Na Europa, parece que quer começar também pelo Terceiro Mundo do Velho Continente, isto é, Portugal.

Sem comentários:

Publicar um comentário