quarta-feira, 22 de maio de 2013

A nova "Pasionaria" e o pai de Passos Coelho

Manuela Ferreira Leite transformou-se desde há uns tempos em figura de destaque da esquerda, por isso o título do meu post referindo "La Pasionaria". Todas as semanas diz evidências e aquilo que as pessoas dizem em conversa e gostavam de dizer ao Primeiro-Ministro.

Quando dispara «não há crescimento possível com esta carga fiscal», diz uma realidade. Nenhuma empresa subsiste com a quantidade de dinheiro que é sonegada pelo Estado. Assim, não há investimento nem criação de emprego.

E hoje o pai de Pedro Passos Coelho diz no I que «isto não tem conserto» e que o filho devia apresentar a demissão. Quando toda a gente bate em nós, quando o povo está infeliz e revoltado, quando os media e líderes de opinião não acreditam e ainda vem o pai dizer isto, é muito difícil a um homem continuar. Precisava da alma e da coragem da "Pasionaria", a verdadeira, Dolores Ibarrurri.

Sem comentários:

Publicar um comentário