domingo, 9 de setembro de 2012

Um Governo que não pode sair de casa

Luis Pedro Mota Soares foi o primeiro ministro a sentir nos ouvidos a contestação popular. Foi em Ponte de Lima, um reduto que até lhe é politicamente favorável. Vai ser assim nos próximos tempos..

Os portugueses, na sua generalidade, e acima de tudo, perderam a confiança neste Governo e isso é o que pode suceder de mais grave na acção política.

O Governo perdeu ainda os líderes de opinião. A não ser em blogs de assalariados do Governo ou afins, ninguém o sustenta e apoia. E perdeu também o pé comunicacional, algo do qual já dava sintomas, mas agora foi de vez.

Os ministros vão ter de se proteger e o melhor é não sairem de casa. A contestação vai aumentar exponencialmente e não se confinará a sindicatos. Vai ser difícil recuperar.

Sem comentários:

Publicar um comentário