segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Cândida Almeida e a falta de credibilidade da Justiça

Cândida Almeida que anda em campanha para ser Procuradora Geral da República, disse que os políticos portugueses não são corruptos. Uma boa frase para reforçar essa mesma campanha.

Porém, o que desagrada aos portugueses e retira credibilidade à Justiça é que a ideia que vigora é que os poderosos nunca são condenados. Assistimos a um vai-vem de idas a DIAP`s e outros organismos, fazem-se umas medidas de coacção, mas os processos duram anos, prescrevem e nunca há culpados, por isso é que a senhora talvez diga que os políticos não são corruptos.

Os fracos são presos e condenados, os poderosos, por diversas conivências, toureiam a Justiça e ofendem os portugueses. E isso é que tem de acabar.

Sem comentários:

Publicar um comentário