sexta-feira, 22 de junho de 2012

"Cristotecas" em vez de discotecas ou o marketing da Igreja

A Igreja também tem direito ao seu marketing e à conquista de mais fieis. Leio aqui que uma comunidade católica vai apostar nas "Cristotecas" e em "Cristodrinks" onde se poderá dançar e conviver sob outros auspícios. A iniciativa dá media mas não sei se vai ter sucesso.

Sem comentários:

Publicar um comentário