segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

Mourinho o melhor do mundo e em português

José Mourinho é uma das poucas marcas nacionais de sucesso. Foi eleito o melhor treinador do mundo e sem complexos falou em português.

Agradeceu a quem lhe deu as vitórias e as oportunidades: aos jogadores. E à família e aos que ama e que lhe dão a estabilidade emocional para fazer o seu espectáculo.

Adoro Mourinho. Não é de agora. Adorava que ele tivesse ido para o Sporting com Luís Duque, não foi, por uns disparates quaisquer.

Muitas vezes não é o que diz, é como faz as coisas. Provocador como poucos, como ontem junto do banco do Villareal, gentleman e amigo de novos talentos dando conselhos e força a quem está a começar.

Relembro o sms que mandou para Leonardo, o novo técnico do Inter, e a história que a Bola hoje contava de que sugeriu a Pedro Caixinha, a fazer notável trabalho em Leiria, para ir para a Escócia para tirar um curso da UEFA de elite para se tornar melhor treinador.

Mourinho é um conquistador, um estratega, um homem que granjeia os ódios dos outros para deixarem os seus jogadores de cabeça limpa para fazerem o que sabem: jogar futebol. É um grande preparador, psicológico e táctico.

E um comunicador como poucos. E mais os que trabalham com ele adoram-no. Porque sabem que ele os defende´e promove até à morte. Hoje, Portugal está de parabéns graças a José Mourinho.

Sem comentários:

Publicar um comentário