quinta-feira, 24 de maio de 2012

Quando a BD segue a agenda política e muda mentalidades

Barack Obama mostrou-se favorável a uma causa que os "gays" americanos pretendiam. A "Time" coloriu a Casa Branca com o arco-íris. E a BD de super-heróis está a seguir a linha.

«Na edição número 50 do "Astonishing X-Men", que hoje chegou às bancas, Northstar - o primeiro super-herói assumidamente gay da Marvel - pediu em casamento o seu companheiro, anunciado que irá casar-se (no próximo número, a editar no próximo mês) numa cerimónia a ter lugar no Central Parque, Nova Iorque», conta aqui o Expresso.

A DC Comics também anunciou que «um dos seus conhecidos super-heróis, até aqui apresentado como heterossexual, irá em breve assumir a sua homossexualidade».

Algo que irá chocar muita gente, mas são estes movimentos culturais que fazem mudar mentalidades e encarar com normalidade algo que há muitos anos era tabú. A cultura popular tem muito mais força que qualquer deliberação política.

Sem comentários:

Publicar um comentário