terça-feira, 27 de julho de 2010

Caso Freeport

Foi o caso que mais abalou a política portuguesa, e se bem se lembram, esteve na origem da saída de Manuela Moura Guedes (e provavelmente de José Eduardo Moniz da TVI) dos ecrâs.

O Freeport que passou mais a ser conhecido como código de pseudo-corrupção na política do que pelas suas lojas vazias e pelo escândalo de ali se ter construído aquele mono nas barbas do Tejo.

O que fica das notícias de acusação a Manuel Pedro e Charles Smith é simples: Portugal é um país onde só existem corruptores...

Sem comentários:

Publicar um comentário