terça-feira, 13 de julho de 2010

Procuram-se consultores de gestão. Eu não!

Confesso que há certas coisas que não percebo. Mas o genial texto do Telmo Carrapa deu-me pistas.

Orgulho-me de estar na idade da pedra. Sou consultor de comunicação, a minha gente faz assessoria mediática, consultoria estratégica de comunicação, gestão de crise e Public Affairs. Esta última disciplina, algo que quem anuncia tendências e outras conquistas não faz ou não sabe fazer.

Aliás, uma curiosidade, quando conheci pessoalmente José Manuel Costa, foi no Gatopardo, no Hotel D. Pedro e eu estava a almoçar com dois políticos (um líder partidário) e o Presidente de um Conselho de Administração de uma conhecida empresa.

Eu não tenho iPad nem iPod. E não quero ter. Quero ter gente a trabalhar comigo satisfeita, sem aldrabices, a saber o que faz e claramente a saber para onde vamos.

Eu sei muito bem para onde vou. Vou continuar a trabalhar para ter mais bons consultores de comunicação.

Não quero operários da comunicação e, de certeza, não quero consultores de gestão. Por um motivo: a minha área de actividade é o Conselho em Comunicação.

Sem comentários:

Publicar um comentário